Como controlar melhor as finanças para se manter no azul e ganhar tração de negócio

Quem tem o próprio negócio sabe que se organizar financeiramente é indispensável para fazer uma melhor gestão dos recursos. Além do mais, com educação financeira é possível investir constantemente no crescimento da empresa e, assim, potencializar os resultados.

Nesse sentido, existem várias práticas que podem ser adotadas para se ter maior domínio das finanças da empresa e tomar decisões melhores para manter o negócio financeiramente saudável e sustentável em longo prazo, além de obter vantagem frente à concorrência. Fique de olho em algumas dicas:

Tenha um planejamento financeiro: saber o cenário atual da empresa e para onde se deseja ir passa por avaliar a estrutura financeira necessária para acompanhar o seu crescimento. Por meio do planejamento, é possível acompanhar e projetar melhor o orçamento da empresa, controlando as receitas e despesas e definindo de forma mais assertiva o quanto se pretende (e pode) gastar, investir, faturar e lucrar com a operação.

Identifique o momento certo de pedir um empréstimo PJ: entendendo a situação atual do próprio negócio, aliado a um planejamento eficiente e um plano de negócios atualizado, fica mais fácil saber quando é a hora certa para pedir crédito, seja para algum momento de dificuldade financeira ou para investir na expansão do empreendimento.

Controle o fluxo de caixa: gerenciar corretamente seu fluxo de caixa e tentar prever, minimamente, as receitas e as despesas é uma prioridade. Essa ferramenta te dará uma visão mais clara do momento atual do seu negócio, permitindo verificar as entradas e saídas de forma organizada, identificando inconsistências e possibilitando controlar melhor a verba que você tem disponível para manter as atividades, cuidar das contas e pagar dívidas.

Acompanhe o seu mercado: fazer uma análise constante dos resultados do seu segmento de negócio é uma forma de avaliar as necessidades e possibilidades financeiras da sua empresa. Assim, você consegue estabelecer melhor um panorama de custos e investimentos necessários para manter o seu negócio em funcionamento e com saldo positivo.

Monitore a evolução do seu negócio: nem sempre aumentar as vendas significa aumentar os ganhos. É nesse sentido que acompanhar mensalmente o demonstrativo de resultado do exercício (DRE) da sua empresa é muito importante para gerar uma análise mais certeira e objetiva dos resultados, possibilitando maior competitividade para seu negócio e um planejamento mais assertivo. 

Saiba quanto de dinheiro é necessário em curto e médio prazo: trabalhar com um controle de capital de giro é fundamental para uma gestão de recursos eficiente, que funciona no dia a dia e facilita na hora de acompanhar quanto deve estar disponível para cobrir despesas de curto e médio prazo. Essas informações vão te ajudar a controlar o fluxo de caixa e  entender o que necessita ser obtido por crédito empresarial.

Não misture as finanças da empresa com suas finanças pessoais: parece um pouco óbvio, mas esse é um ponto que impacta negativamente o orçamento de muitos negócios. Por mais prático que pareça fazer alguns pagamentos ou ter recebimentos sem se importar se o recurso vem da conta pessoal ou da empresa, misturar as duas vidas financeiras acaba tirando a real dimensão da situação financeira da sua empresa e gerando uma falta de controle em relação à verdadeira fonte de receitas e despesas.

Inovar é preciso: não importa qual o tamanho do seu empreendimento, se reinventar precisa ser uma meta constante para oferecer soluções que gerem valor. Ou seja, é preciso ser capaz de criar uma nova maneira de lidar com  as mudanças e oferecer uma solução rápida que atenda às necessidades dos clientes. Por exemplo, um serviço que era físico pode se tornar digital, ou ser adaptado para uma nova demanda e novos canais de comunicação.

Quando o empréstimo para empresas pode ser um aliado

Pode ser que em determinado momento você precise de um financiamento para investir no crescimento da sua empresa ou colocar as finanças nos trilhos. 

Em momentos como esses, se usado de forma planejada, com juros justos e parcelas que se adequam ao orçamento da empresa, o crédito empresarial pode representar aquela ajuda tão necessária para o negócio crescer. Mas, é preciso saber quando solicitar um empréstimo e qual a linha de crédito para empresas mais adequada, já que essa solução deve ser uma aliada para resolver as finanças do seu negócio e não fazer a sua empresa se enrolar em dívidas.

Por isso, antes de pedir o empréstimo, crie um plano de pagamento da dívida, tendo claro o valor do financiamento, a finalidade do recurso e o prazo possível para quitá-la de acordo. Tendo isso em mente e entendendo qual é o momento certo para solicitar um empréstimo PJ, fica mais fácil encontrar uma linha de financiamento adequada para as necessidades do seu negócio.

Atenção: evite solicitar crédito pessoal para cobrir as despesas do seu negócio. Além de não ser recomendado misturar suas finanças pessoais com as da empresa, ao contratar uma linha de crédito empresarial você conta com condições de pagamento diferenciadas para empresas, com juros mais acessíveis e uma negociação mais flexível.

Administrando o empréstimo da sua empresa

O crédito empresarial só pode se tornar um aliado do seu negócio, se usado de forma planejada e com o compromisso das parcelas serem quitadas dentro do prazo contratado. Caso contrário, ele se tornará um empecilho, fazendo com que sua empresa acumule dívidas, o que não é favorável para o crescimento. 

Por isso, é necessário priorizar a organização financeira e aprender a administrar seu empréstimo empresarial da melhor maneira possível. Busque se manter organizado, criando um plano de pagamento que possibilite controlar melhor a dívida e acompanhar os resultados de forma mais eficiente. 

Se gerenciado de maneira estratégica, pode ser possível antecipar o pagamento das parcelas, fazendo com que seu negócio se livre da dívida mais rapidamente e ainda obtenha descontos na fatura, o que não é nada mal para o caixa da sua empresa.

Seja para te ajudar com a organização financeira ou solicitar crédito para a sua empresa crescer, você pode contar com a gente! Temos uma linha de financiamento exclusiva para pessoa jurídica, com taxas atrativas, agilidade e processo 100% digital.

 

Este artigo foi útil para você?

Esperamos que esse artigo tenha sido útil e esclarecedor para você! Fique de olho no blog da Mutual para mais assuntos como este.

E se você ficou com alguma dúvida, pode deixar um comentário no FacebookInstagram e Linkedin!

Posted by Milena Almeida

Analista de Marketing na Mutual. Formada em Jornalismo, com especialização em gestão de projetos para mídias digitais e interativas, possui experiência no planejamento, execução e gestão de estratégias de Comunicação Integrada e Marketing Digital.

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *